Página Inicial   Mapa do site   Todos os contatos do site

 
X

:: Copyright © 2003-2007 Gastroplastia.net :: Todos os direitos reservados ::

:: Proibida a reprodução total ou parcial deste site sem a prévia autorização da autora ::

 
 
 
Operados escrevem o seu relato e dão sua opinião a respeito da cirurgia. Depoimentos completos e  com fotos de antes e depois. Nem todas as cirurgias são tranqüilas. Confira todos os depoimentos.

 

 

DÚVIDAS MAIS COMUNS



Aqui estão várias dúvidas comuns de quem pretende fazer a gastroplastia. Leia com atenção pois será muito útil a você ter domínio destas informações.

 

Algumas perguntas comuns (IMPORTANTE):
Sobre o ANTES da cirurgia
Sobre o DURANTE a cirurgia
Sobre o DEPOIS da cirurgia
Índice:

O que é gastroplastia e by pass?
Medidas do Estômago e Intestinos antes e após a cirurgia.
CLEXANE
Anel e Entalos
Como é feita a cirurgia
Cicatrizes
Vantagens e Desvantagens dos métodos (aberta e vídeo)
Cigarro antes da cirurgia
Sexo após a cirurgia
Álcool após a cirurgia
Gravidez após a cirurgia
Pílula anticoncepcional após a cirurgia
Entalos
Síndrome de Dumping
Vitaminas após a cirurgia (Centrum)
Queda de Cabelos
Plástica após a cirurgia
Complicações antes e depois da cirurgia
Seroma

 

Autoria dos textos:
x
Luciane Miranda (LULY)
Agradecimentos ao Dr.Jorge Luíz Monteiro
x

ATENÇÃO: Os textos foram escritos por mim, que sou uma paciente, baseado em minhas experiências, nos meus estudos, nas experiências de diversos amigos operados e nas informações cedidas pelo meu médico e outros especialistas no assunto. É importante que você, que pretende operar ou que já operou, siga as orientações do SEU MÉDICO. Lembre-se sempre de que o especialista é ele e que você tem que seguir as orientações determinadas por ele.

  Gastroplastia

  • Gastroplastia = plástica (plastia) no estômago (gastro). A gastroplastia consiste no grampeamento do estômago, diminuindo o seu tamanho e isolando a parte maior, que passa a não seu utilizada mais no processo de digestão.
  • By Pass (desvio em inglês) é o desvio do intestino para que haja uma má-absorção dos alimentos, auxiliando, assim, no processo de emagrecimento.
  • Um intestino normal mede em torno de 1200 ml. O estômago de um obeso está em torno de 1500 ml.
  • O estômago de um operado pela técnica de Capella mede em torno de 50 ml (uma xícara de café). O estômago de um operado pela técnica de Scopinaro mede em torno de 300 ml (um copo de requeijão e meio)
  • Com o tempo o estômago dilata. Não ficará sempre medindo 50 ml ou 300 ml.
  • O intestino de uma pessoa NÃO operada mede em torno de 6 metros.
  • O desvio feito na cirurgia fica em torno de 2 metros.

h Voltar ao topo h

 

 

 

 

 

O Anel - e os Entalos
Para que serve o anel?

O anel pode ser colocado, ou não, durante a cirurgia de Capella. Ele serve para reeducar o paciente em sua alimentação. Serve como um controle da quantidade a ser ingerida.

De que é feito o anel?

De silicone.  

O que são os Entalos?

Quando a pessoa ingere uma grande quantidade de comida, esta pode ficar entalada no anel. Esta comida, muitas vezes, só pode ser retirada através de uma Endoscopia.

Onde o anel é colocado?

O anel é colocado no início do novo e pequeno estômago.

Porque alguns médicos não gostam de colocar o anel?

Muitos médicos não colocam o anel por causar problemas ao paciente. Este corpo estranho pode migrar para dentro do estômago, devendo o paciente ser re-operado para sua retirada.

Há alguma diferença no emagrecimento de quem possui anel e de quem não possui anel?

Já foi comprovado também, pelos médicos, que um paciente SEM anel tem a mesma facilidade em emagrecer que um COM anel. Portanto, com ou sem anel, os benefícios do emagrecimento são os mesmos.

No caso dos pacientes SEM anel, como fica a passagem para o estômago?

Esta passagem é estreitada pelo próprio médico, sem o auxílio de nenhum material manufaturado.

 

 

h Voltar ao topo h

 

Como é feita a cirurgia - e cicatrizes
  • Videolaparascopia [leia aqui]
  • Laparascopia (cirurgia aberta) [leia aqui]
  • As cicatrizes da videolaparascopia medem em torno de 1 cm. São, no total, 6 cicatrizes. Alguns médicos fazem um número maior ou menor de cicatrizes. Mas a média é de 5 à 6 cicatrizes pequeninas na região abdominal. Uma delas mede 2 cm (por onde entram os grampos).
  • As cicatrizes da laparascopia medem em torno de 10 cm a 15 cm, no sentido vertical.

h Voltar ao topo h

 

 

 

 

 

 

 

Vantagens da gastroplastia feita por videolaparascopia
  • É menos invasiva.
  • As cicatrizes são bem menores (resultado estético melhor!).
  • A recuperação é rápida e sem dor.
Desvantagens da gastroplastia feita por videolaparascopia
  • É mais demorada. Dura cerca de 4 horas, 4 horas e meia.
  • O médico tem que ser experiente pois estará manipulando aparelhos e vendo a cirurgia através de uma câmera de vídeo.
Vantagens da gastroplastia feita pela cirurgia aberta
  • O médico age diretamente sobre o corpo, sem manipular aparelhos.
  • Olha a cirurgia a olho nu, sem a utilização de monitores.
  • É mais rápida (uma hora e meia) portanto a pessoa fica menos tempo anestesiada.
Desvantagens da gastroplastia feita pela cirurgia aberta
  • A recuperação é mais dolorosa e mais demorada. O corte é muito grande.
  • Maior risco de hérnia incisional.
  • A cicatriz é bem maior.
  • Necessidade do uso de cinta após a cirurgia.

h Voltar ao topo h

 

 

 

Quanto tempo depois da cirurgia podemos voltar a fazer sexo?
Cirurgia Aberta 30 dias depois
Cirurgia por Vídeo 10 dias depois
(Consulte seu médico antes!)

 

h Voltar ao topo h

 

 

 

 

 

Quanto tempo depois da cirurgia poderei ingerir álcool?
x
Os médicos e nutricionistas recomendam 6 meses. Por que? O álcool contém uma grande concentração de açúcar. Ingerir bebidas alcoólicas no período principal do seu emagrecimento irá afetar o resultado da cirurgia. Existem pessoas que começam a beber com 2, 3 meses de cirurgia, esquecendo-se que seus corpos ainda não estão adaptados à recente intervenção cirúrgica, podendo acarretar conseqüências graves como gastrite, úlcera, etc. O álcool tem um efeito muito rápido em uma pessoa gastroplastizada. Isto se deve ao fato da pessoa ter o intestino desviado, cuja a absorção passa a ser mais rápida. Logo, a absorção do álcool também é rápida. Com poucos goles, um operado pode ficar bêbado.
 

h Voltar ao topo h

 

 

Dumping
  • É a intolerância a certos alimentos ricos em carboidratos (principalmente açúcar).
  • Ocorre para sempre.
  • Os sintomas mais comuns são: náuseas, fraqueza, suor frio intenso, desmaios, taquicardia, sonolência e diarréia após a alimentação
  • Nem todas os operados sofrem de dumping. Isso dependerá muito do metabolismo de cada um.
  • Mais detalhes sobre o Dumping aqui.

h Voltar ao topo h

 

 

Vitaminas
  • É necessário tomar vitaminas como complementos para sempre ou até seu nível de vitaminas se estabilizar.
  • A vitamina mais indicada pelos médicos é o CENTRUM (ver detalhes abaixo).
  • A maioria dos médicos receitam complementos de vitamina B12 (Ferro) para evitar anemias. Os mais comuns são os comprimidos de Noriporum ou as injeções de Citoneurim 5000.
CENTRUM (vitamina)
(Laboratórios Wyeth-Whitehall Ltda.)
  • Composição: Cada comprimido revestido contém: acetato de retinol e betacaroteno (vit. A) 5.000 UI; acetato de dl-alfa-tocoferila (vit. E) 30 UI; ácido ascórbico (vit. C) 60 mg; ácido pantotênico (como pantotenato de cálcio) 10 mg; ácido fólico 400 mcg; biotina 30 mcg; cálcio (como fosfato de cálcio dibásico) 162 mg; cianocobalamina (vit. B12) 6 mcg; cloridrato de piridoxina (vit. B6) 2 mg; cloro (como cloreto de potássio) 36,3 mg; cobre (como óxido cúprico) 2 mg; colecalciferol (vit. D3) 400 UI; cromo (como cloreto de cromo) 25 mcg; estanho (como cloreto estanhoso) 10 mcg; ferro (como fumarato ferroso) 18 mg; fitonadiona (vit. K1) 25 mcg; fósforo (como fosfato de cálcio dibásico) 125 mg; iodo (como iodeto de potássio) 150 mcg; magnésio (como óxido de magnésio) 100 mg; manganês (como sulfato de manganês) 2,5 mg; molibdênio (como molibdato de sódio) 25 mcg; mononitrato de tiamina (vit. B1) 1,5 mg; nicotinamida 20 mg; niquel (como sulfato niqueloso) 5 mcg; potássio (como cloreto de potássio) 40 mg; riboflavina (vit. B2) 1,7 mg; selênio (como selenato de sódio) 25 mcg; silício (como metassilicato de sódio) 10 mcg; vanadio (como metavanadato de sódio) 10 mcg; zinco (como óxido de zinco) 15 mg.

  • Indicações: Deficiências vitamínico-minerais e estados de desnutrição.

  • Posologia e modo de usar: 1 comprimido por dia.

  • Apresentação: Frasco com 60 ou 100 comprimidos revestidos.

  • Preço: com 60 cápsulas entre R$ 30,00 e R$ 40,00 / com 100 cápsulas entre R$ 50,00 e R$ 60,00

h Voltar ao topo h

 

 

 

 

 

Queda de Cabelos
  • Devido a grande carência de proteínas causada pela deficiência na absorção do intestino (um dos maiores aliados desta cirurgia é o desvio feito no intestino, causando a má absorção de gorduras), ocorre, entre o 3º e o 7º mês, mais ou menos a queda de cerca de 70% dos cabelos.

  • Nem todas as pessoas sofrem essa bruta queda de cabelos. Mas são um número bem pequeno. Essas pessoas, geralmente, se alimentam com uma boa quantidade de proteínas.

  • A pessoa não chega a ficar careca.

  • Mais sobre o assunto aqui.

h Voltar ao topo h

 

 

 

 

 

 

Perguntas comuns sobre a cirurgia:

Sobre o Antes da Cirurgia:

 
1. Como posso saber se sou indicado para esta cirurgia?
Esta cirurgia é indicada para pessoas com Índice de Massa Corporal (IMC) acima de 40, portadoras de Obesidade Mórbida. Em alguns casos, pessoas com IMC de 35 pra cima também são candidatas a cirurgia DESDE QUE apresentem doenças associadas à obesidade. Para calcular o seu IMC, clique aqui.
 
2. Quais os primeiros passos que devo dar para operar?
- Sem dúvida, o primeiro é se INFORMAR. Leia tudo a respeito da cirurgia: Riscos, Técnicas, Métodos, Pré-Operatório, Pós-Operatório, converse com pessoas que já operaram, etc  A Gastroplastia é uma cirurgia de grande porte, não é uma brincadeira. Também NÃO é a solução mágica e você precisará fazer a sua parte para atingir os objetivos desejados.

- Em seguida, procure se informar se o seu plano de saúde cobre esta cirurgia e QUANTO o plano cobre.

- Procure um médico com quem você se identifique. Não opere com o primeiro que você se consultar. Vá a vários e ESCOLHA aquele te passar mais segurança.

 
3. O que acontece no pré-operatório?
Consulta com o cirurgião, consulta com outros especialistas como Nutricionista, Psicólogo, Endocrinologista e uma bateria de exames. Leia aqui os detalhes.
4. Sou fumante. Devo parar de fumar?
Sim. Os médicos pedem para que o paciente fumante pare de fumar pelo menos um mês antes da cirurgia. O fumo afeta a respiração, que estará alterada devido a anestesia geral.
 
5. Tenho medo de não poder comer mais como antes. Devo operar?

Para fazer a gastroplastia é necessário que o paciente esteja preparado psicologicamente para as mudanças que ocorrerão em sua vida. Por este motivo existe uma avaliação psicológica de um especialista da equipe do cirurgião. Não é qualquer obeso mórbido que pode operar. TEM QUE ESTAR PREPARADO. Se você tem medo de não poder comer mais a quantidade que comia antes, se a sua prioridade não é a sua saúde e o seu bem estar emocional, físico e social, ESQUEÇA ESTA CIRURGIA. A comida não poderá vir em primeiro lugar.

 
6. Mas quero operar. Há alguma técnica que me permita comer um pouco mais?

Sim. A técnica de Scopinaro permite que o paciente fique com o estômago um pouco maior do que os operados por Capella. Na cirurgia de Scopinaro o estômago é reduzido para 300 ml. Na de Capella, fica em torno de 50 ml. Porém operados por Scopinaro tem um desvio de intestino maior, o que causa uma maior carência de proteínas e vitaminas. Ainda devido ao grande desvio feito no intestino, os operados por Scopinaro passam a sofrer com o odor forte de seus flatos. Converse com seu médico a respeito.  Mais detalhes aqui.

Nota: Muitos médicos deixaram de fazer a cirurgia de Scopinaro por terem notado que pacientes operados com esta técnica sofriam muito com a perda de proteínas e as constantes diarréias causadas pelo consumo de gordura. Informe-se a este respeito antes de optar pela sua técnica.

 

h Voltar ao topo h

 

 

 

 

 
Sobre Durante a Cirurgia:
 
1. O que acontece no Hospital?

- O médico determinará se você deve chegar no dia anterior ou no próprio dia da cirurgia. Você irá a recepção do Hospital onde acertará seu quarto, internação, etc.

- No quarto você receberá a visita de uma enfermeira que lhe fará perguntas, tirará sua pressão, temperatura, colherá seu sangue (em alguns casos somente); da Nutricionista do hospital a quem você deverá entregar a dieta líquida passada pela Nutricionista da equipe do seu cirurgião; do Anestesista, que fará perguntas a você também; receberá o roupão, touca e sapatilha que deverá vestir para ir ao centro cirúrgico. Receberá, também, a visita do seu médico. Depois, um maqueiro virá buscar você para levá-lo ao centro cirúrgico (de maca ou cadeira de rodas).
- Na sala de cirurgia, são colocados vários aparelhos no paciente. Em seguida é aplicada a anestesia. Segundos depois o paciente adormece.
x
2. Qual é o tipo de anestesia que se toma para esta cirurgia?
x
Podem ser utilizadas dois tipos de anestesia juntas: A Raque e a Geral. O paciente adormecerá minutos depois de entrar na sala de cirurgia e acordará no CTI Pós-Operatório. Atualmente os médicos tem dispensado a anestesia Raque, aplicando somente a anestesia Geral.
x
3. Todo paciente é entubado para esta cirurgia? Acorda-se com os tubos?
x
Sim, há entubação. É necessário um controle sobre a respiração do paciente com a ajuda dos tubos. O paciente é entubado já adormecido e, na maioria dos casos, já acorda SEM os tubos. Porém, há casos em que se acorda ainda com os tubos. Mas o paciente estará ainda sobre os efeitos da anestesia , que o deixarão com um raciocínio lerdo. Por este motivo, não há o que temer ou se assustar. Eu, Luly, acordei com o tubo e não me lembro de nada pois dormi logo em seguida. Quando acordei pela segunda vez, já totalmente consciente, estava sem tubo. O que sei é o que me contaram: que tentei arrancar os tubos e tiveram que amarrar minhas mãos (risos). Não lembro de absolutamente NADA!
x
3. Quais os riscos que sofre-se durante e logo depois da cirurgia?
x
Todos os médicos devem alertar seus pacientes sobre os riscos que podem ocorrer durante a cirurgia. E depois. Por este motivo assina-se um termo de consentimento, com uma testemunha, antes de operar. Os maiores riscos durante a cirurgia são: parada cardíaca, parada respiratória, complicações com a anestesia, retirada do baço em caso de sangramento, infecções, fístula, embolia pulmonar, entre outro. Leia aqui os detalhes.
x
4. Qual é o índice de óbitos da Gastroplastia?
x
O índice de morte desta cirurgia é cerca de 2%.
x
5. Todo mundo vai para o CTI após a cirurgia? Por que?
x
Na grande maioria dos casos sim. Mas este é apenas um procedimento de praxe para garantir o bem estar do paciente, já que a Cirurgia de Obesidade é uma cirurgia delicada. Geralmente fica-se no CTI um período de 12 a 24 horas. Em certos casos até fica-se por mais tempo devido a falta de quarto em certos hospitais.
x
6. O que é a CLEXANE? Devo tomá-la por quantos dias?
x
Clexane é um anti-coagulante, aplicado através de uma injeção na barriga. É utilizada como precaução pois o paciente fica muito tempo com os membros inferiores parados em uma mesma posição, podendo ocasionar Edema Pulmonar. A posologia da Clexane ficará a critério do médico. Alguns receitam a Clexane apenas no período em que o paciente está hospitalizado. No meu caso, tomei clexane por 8 dias, enquanto estive no hospital. Outros médicos receitam por cerca de 10 dias. É uma injeção cara.
x
7. Quanto tempo devo ficar com o dreno?
x
Entre 10 e 15 dias até desaparecer o perigo de fístula e o Seroma secar.
x
8. O que é Seroma?
x
É o acúmulo de um líquido alaranjado sobre (abaixo) a pele. Este líquido sai através do dreno.
 
x

h Voltar ao topo h

 

 

 

 

 

 

 
Sobre Depois da cirurgia:
 
1. Poderei comer tudo o que quiser ou viverei em dieta como sempre?
x
Isto dependerá do seu corpo, da adaptação dele à cirurgia. O paciente poderá ter Síndrome de Dumping e ser intolerante a carboidratos e excesso de açúcar. O paciente pode apresentar intolerância a certos alimentos como carnes, ovos, etc. Ou poderá simplesmente comer tudo muito bem. Geralmente consegue-se comer de tudo, porém, em pouca quantidade. No início da cirurgia é necessária uma dieta que ajudará no processo de emagrecimento e na reeducação alimentar. Depois, a rotina alimentar do paciente se adaptará ao seu dia a dia.
2. Terei que fazer exercícios físicos para auxiliar no emagrecimento?
x
Como em qualquer processo de emagrecimento, os exercícios físicos são fundamentais. Além de ajudar o emagrecimento, auxiliam na elasticidade da pele, na obtenção de músculos que substituirão as camadas de gorduras.
3. Quando poderei iniciar meus exercícios físicos?
x
Em operações por vídeo, o paciente pode iniciar os exercícios físicos a partir do 20º dia pós-cirurgia. MENOS a musculação. Musculação força a parede abdominal podendo causar danos na região da cirurgia. Após 2 meses, pode-se iniciar a musculação LEVE. Em caso de operações por via aberta, os exercícios físicos devem iniciar 60 dias depois. Idem para a musculação leve. Os primeiros exercícios após a liberação devem ser leves, nada exagerado como carregar muito peso, etc.
x
4. Terei que tomar vitaminas para sempre?
Teoricamente sim. Porém isto ficará a critério do seu médico que irá acompanhar a adaptação do seu organismo através de exames de sangue feitos periodicamente (de 6 em 6 meses).
5. Terei que tomar injeção?
Se você tiver carência de vitamina B12, sim. Porém já existe a B12 sublingual, que está sendo receitada por alguns médicos. Mas nem todos adotam este procedimento por saber que a B12 funciona mais rápida e eficazmente através de via venosa.
 
6. Quanto tempo dura o processo de emagrecimento?

Dois anos. Durante os dois anos seguintes seu corpo estará sobre os efeitos da cirurgia. Não quer dizer que você ficará dois anos emagrecendo! Quer dizer apenas que é o melhor período para emagrecer. O emagrecimento dura, geralmente, um ano. Os primeiros meses são decisivos, são os meses em que mais se perde peso. Até o quarto mês você perderá muito peso. Depois o processo se torna mais lento.

x
7. Emagrecerei sem parar? Há como emagrecer demais?

Não. O corpo irá estacionar em um determinado peso, quando você se acostumar a uma certa quantidade de comida. Há casos em que a pessoa tenha ficado um pouco abaixo do peso, mas são raros. E desconheço casos em que a pessoa tenha ficado muito abaixo de seu peso ideal. Só se ela sofrer de bulimia ou anorexia.

x
8. Poderei engordar novamente?
x

Sim. Como foi dito antes: a gastroplastia não é mágica. É uma ferramenta MUITO eficaz de auxílio ao emagrecimento. Portanto, você deve fazer a sua parte. Durante o processo de emagrecimento seu peso irá ficar estacionado várias vezes. Isto se chama platô (leia os detalhes aqui). Quando o peso do paciente se estabilizar ele estará com suas funções orgânicas praticamente normais. Logo, poderá engordar sim CASO exagere na comida e abuse de gorduras e doces. Não esqueça de que o estômago dilata com o tempo. Se você comer demais , estará dilatando seu estômago. Então, respeite sempre o seu limite.

x
9. Posso engravidar normalmente após a cirurgia?
x

Sim. Mas os médicos recomendam que se engravide SOMENTE após o período de 1 ano e meio a 2 anos APÓS a cirurgia. Portanto, previna-se utilizando pílula e camisinha. A gravidez antes deste período pode acarretar problemas para o bebê pois a paciente estará com suas funções de absorção de vitaminas e proteínas, necessárias ao bebê, limitadas, já que o intestino foi desviado durante a cirurgia. Conheço alguns casos de gravidez com 4 meses, 6 meses, após a cirurgia e tudo ocorreu normalmente. Os bebês nasceram saudáveis e perfeitos. Porém, por garantia, é indicado que se siga as recomendações médicas. É bom esclarecer também que uma gatroplastizada pode engravidar como qualquer outra mulher não operada.

x
10. Terei que fazer cirurgia plástica após a gastroplastia?
x
Muito provável que sim. Mas isso dependerá mais da sua vontade/necessidade do que qualquer outra coisa. Com o rápido emagrecimento, a pele, que por tanto tempo ficou esticada, não volta a aderir, e fica flácida. A ginástica ajuda muito, assim como o uso freqüente da cinta durante o período de emagrecimento. Mas não serão o suficiente para resolver o problema de flacidez. Portanto é preciso a intervenção da cirurgia plástica para certas correções nas pernas, culotes, abdômen, braços, pescoço e onde mais ficar flácido. Algumas pessoas ficam com poucas "sobras" por terem uma pele boa, por terem o costume de fazer exercícios, entre outros fatores. A QUANTIDADE de peso a se perder e a IDADE também influenciam. Quanto mais peso se tem a perder, mais sobra de pele haverá. Quanto mais nova for a pessoa, MELHOR será a aderência de sua pele. Leia sobre a Plástica pós-Gastroplastia aqui.
x
11. Voltarei a beber água em grandes quantidades?
x
Sim, com certeza! Essa é uma das maiores reclamações de um recém operado. Não conseguir beber água direito. Mas é importante que você não force os seus limites. Deixe que tudo se estabilizará com o tempo. No princípio contente-se com os pequeninos goles de água. A sede será grande, é normal! Afinal de contas, seu corpo estará pedindo a mesma quantidade de água que você sempre tomou. Com o passar do tempo, você voltará a beber grandes quantidades, o que será ótimo para o bom funcionamento dos seus rins. Beba muito líquido sempre!
 
12. Com quanto tempo de operado poderei beber álcool? É verdade que um operado fica bêbado com pouca quantidade de álcool?
x
Os médicos e nutricionistas recomendam 6 meses. Por que? O álcool contém uma grande concentração de açúcar. Ingerir bebidas alcoólicas no período principal do seu emagrecimento irá afetar o resultado da cirurgia. Existem pessoas que começam a beber com 2, 3 meses de cirurgia, esquecendo-se que seus corpos ainda não estão adaptados à recente intervenção cirúrgica, podendo acarretar conseqüências graves como gastrite, úlcera, etc. Sim, o álcool tem um efeito muito rápido em uma pessoa gastroplastizada. Isto se deve ao fato da pessoa ter o intestino desviado, cuja a absorção passa a ser mais rápida. Logo, a absorção do álcool também é rápida. Com poucos goles, um operado pode ficar bêbado.
x
13. Em quanto tempo poderei fazer sexo após a cirurgia?
x
Na cirurgia aberta, recomenda-se um período de 30 dias SEM relações sexuais. Na cirurgia por Vídeo, um período de 10 dias. É importante que o próprio paciente saiba até onde pode ir, mesmo passado o período determinado pelo médico. Enquanto houver qualquer dor abdominal, é recomendado que não se faça sexo ou qualquer outro tipo de esforço. LEMBRE-SE: Este período será determinado pelo seu médico. O especialista é ele!
x
14. É verdade que a pílula anticoncepcional perde o efeito em mulheres que fizeram a gastroplastia?
x
Existe um mito por trás desta pergunta. A pílula funciona normalmente como qualquer outro remédio.
x
15. O que são os entalos?
 

Em pessoas operadas pela técnica de Capella, é colocado um anel de silicone na passagem para o estômago. Quando o paciente ingere um alimento em pedaços maiores e sem tê-lo mastigado direito, o mesmo encontra dificuldade para atravessar esta passagem estreita. A pessoa então sente-se entalada. Em casos mais graves de entalos, quando o alimento não consegue descer, é necessário fazer uma endoscopia para a retirada do alimento. Outra coisa que também pode acontecer é da pessoa comer além do que seu estômago consegue digerir. A pessoa então sente-se entalada por um determinado tempo. Muitos pacientes regurgitam por este motivo.

 

h Voltar ao topo h

 

E depois da gastroplastia? Como fica a pele? Ela volta a aderir? Será necessário fazer plástica? Quais os lugares do corpo em que a pele fica mais flácida? É possível a retirada das cicatrizes da gastroplastia através de uma plástica? Essa e muitas outras dúvidas serão respondidas aqui.

Leia mais

 

Tire as suas dúvidas sobre o Antes, o Durante e o Depois da cirurgia.
Veja as fotos e o  relato sobre uma  gastroplastia feita através da cirurgia por vídeo.  
Existem várias técnicas para se fazer a cirurgia de redução de estômago...
A gastroplastia é uma cirurgia delicada , indicada somente pessoas com um alto grau de obesidade , chamada obesidade mórbida. Indivíduos com obesidade mórbida possuem IMC (índice de massa corporal) igual ou acima de 40. Calcule o seu IMC  e veja se você é um candidato à cirurgia.
Procure o seu cirurgião. Mais de 70 cirurgiões cadastrados de vários estados brasileiros.

Queda de cabelo? Calma! Você não vai ficar careca, mas seu cabelo poderá cair muito. O desvio do intestino ajuda muito no processo de emagrecimento. Mas a má absorção de proteínas e vitaminas é a grande causadora da queda de cabelos em pessoas que já operaram. Leia mais ..